Pular para o conteúdo principal

Conheça: Dickinson



Oh, minha gente. Papo sério agora. Essa série ganhou meu coração de uma forma que eu nem sei explicar pra vocês. Só posso dizer que é uma série gostosa demais de se assistir e triste demais por ter que acabar. Seguindo aquele fluxo que eu mesma inventei para mim nos picos de estresse, eu dou uma paradinha estilo relax e maratono seriados finalizados do início ao fim. Fui influenciada pela minha amiga querida Cherry a assistir essa série, visto que a bonita vivia publicando coisas relacionadas a ela. A primeira coisa que me interessou foi o fato de ter a protagonista principal Hailee Steinfeld que eu já a conhecia pelos seus trabalhos na carreira musical, muito bons por sinal.



Então, eu que amo assistir coisas aleatórias, decidi dar uma chance pra esse seriado sem pesquisar nada sobre ele por que eu sou justamente assim. Mas é claro que pra vocês eu vou apresentá-lo direitinho, pois se tu tais aqui é por que tu queres saber mais sobre o seriado pra decidir se realmente vai assistir ou não, né isso?



Baseado em fatos reais, Dickinson vem de um sobrenome familiar americano de uma jovem poetisa do século XIX chamada Emily Elizabeth Dickinson. Na série há uma estória de romance intensa que desperta gatilhos pros mais apaixonados (eu inclusa) onde a jovem explora através da escrita criativa por meio de rimas, dentro do seu próprio quarto, questões que envolvem sua família, sua existência com morte e imortalidade, gênero, estética, sociedade, natureza e espiritualidade. Quando você menos espera, você está imersa na família Dickinson com todos personagens com suas peculiaridades.



O que eu posso adiantar para vocês é minha experiência pós-série assim como uma "Seriadora Anônima" daquelas que fica viciada e precisa compartilhar sua experiência com alguém do jeito que estou agora. Se você tiver os gostos parecidos com os meus, com certeza você vai sentir falta dessa série. Ela é no mínimo, excelente, assim como a atuação da Hailee Steinfeld e demais atores. Me envolvi de uma forma que estou custando a acreditar novamente no amor e tentar mais uma vez pra viver essas experiências com outro alguém, só pra você entender o peso. Eu recomendo demais e reafirmo que se tornou uma das minhas séries preferidas dos tempos. Deixo essa sugestão para, assim como eu, que a Emily possa reviver ou aquecer teu coração sofrido. Um grande beijo e até a próxima.

Série disponível na Apple TV+.


FICHA TÉCNICA
Nome: Dickinson (2019-2021)
Criador: Alena Smith
Gênero: Biografia | Romance | Drama | Comédia
Duração: 3 Temporadas - 30 Episódios - 30 minutos - 15h00m
Avaliação: ★★★★★ - ♡ (5/5)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cheats para PC do jogo The Witcher 3: Wild Hunt

E aí, meus queridos. Tudo bem com vocês? Seguindo a saga do jogo The Wicher 3, que já apresentei aqui no blog , nessa publicação eu vou ensinar os senhores a ativar a opção de permitir a utilização de cheats no jogo e também vou listar todos comandos possíveis pra a gente se divertir bastante. E se você está me julgando, por favor, não o faça. Já basta a nossa própria vida em que temos que sofrer e lutar pra poder vencer na vida. Aí ter que se lascar no jogo também? Ah não!!! Eu joguei sem cheats já e é bom sim, mas com cheats já adianta umas coisas massas. Inclusive pra ativar o cheat do jogo não precisa baixar nenhum programa, viu galera? Não fiquem se enganando por outros sites não. É fácil demais. Veja aí vá:

Qual o melhor rodízio de sushi em Recife? Uma análise entre Udon x Yugo...

Minha gente, não era minha intenção trazer uma publicação polêmica assim comparando no blog, mas como eu sou fã de sushi eu precisava externar minhas experiências sobre esses dois rodízios. Primeiro, eu queria dizer que isso não é publi. Infelizmente paguei com meu dinheirinho suado para poder conferir de perto ambos rodízios e não satisfeita ainda levei minha best friend forever para gastar dinheiro mais eu. E segundo que eu nem tenho condições financeiras (#nospatrocina) pra conhecer todos os rodízios existentes em Recife, tá? Por isso eu vou apresentar a vocês sobre quais restaurantes eu estou me referindo nessa publicação. São eles: Localização O Udon tem dois restaurantes, um em Casa Amarela e outro em Boa Viagem. Eu fui no mais próximo de onde moro, em Casa Amarela. O Yugo Fusion atualmente está no lugar do falecido restaurante Nirai (#descanseempaz), no bairro das Graças. Valores Atualmente os rodízios estão custando (data de referência:

Os lugares mais baratos pra comprar roupas em Recife

Existem duas lojas de fábrica situadas no bairro Santo Amaro em que vocês vão adorar os produtos e principalmente o preço deles. São roupas lindíssimas para todos gêneros (femino e masculino), idades (criança, adolescente e adulto) e tamanhos (P ao GG). Podem ser pra você ou podem ser um presente para alguém especial. E aí? Preparado pra gastar com gosto? Não tem coisa melhor do que comprar uma roupa pelo preço que realmente deveria ser, não é? Venha cá conhecer essas belezuras!

Resenha: A Barraca do Beijo de Beth Reekles

Desde que a Netflix lançou o segundo filme da Barraca do Beijo apareceram tweets na minha linha do tempo do perfil do blog com comentários negativos que me deixaram curiosa para entender o que estava acontecendo. Essas críticas envolviam os personagens principais do filme e suas atitudes tóxicas e machistas, coisas essas que eu não tinha percebido quando assisti os filmes. Mais uma coisa que eu não sabia e que eu só fiquei sabendo nesse exato momento que estou escrevendo pra vocês é que o livro A Barraca do Beijo foi feito por uma cientista. Beth Reekles, a autora do livro, é uma garota de exatas, formada em Física pela Exeter University. Mas nas horas vagas ela gosta de ler e escrever no Wattpad. O livro fez tanto sucesso nessa plataforma com mais de 19 milhões de acessos e 40 mil comentários, além de vencer o Prêmio Watty de Ficção Adolescente mais popular que eu entendi tudo. A senhora Netflix não ia deixar essa oportunidade passar batido, não é mesmo?

A nova tendência do cabelo descolorido e suas variações

Eu tô chocada que eu tô criando muita publicação no blog sobre Moda & Beleza que não é da minha essência. Quer dizer, eu acho lindo e adoro acompanhar, mas quase nunca crio coragem pra meter a cara e tentar fazer alguma dessas coisas que eu idolatro. Será que eu vou mudar isso futuramente? É uma mudança bem radical a gente descolorir o cabelo e, por exemplo, mudar algo que era preto para loiro. Já observei muito essas mudanças radicais entre pessoas influentes como artistas e queria compartilhar com vocês esse estilo que eu tô admirando bastante ultimamente.