Pular para o conteúdo principal

Jogo para Celular: PUBG Mobile



Se tem uma coisa que eu fico meio assim quando vou jogar um jogo é se o gráfico dele não for tão bonito assim. Eu já fui julgando PUBG nesse aspecto achando que o jogo não era tão legal, mas ele me surpreendeu bastante. Por enquanto eu sou muito fera nele e quase sempre ganho as partidas então já estou sendo suspeita pra falar sobre ele aqui né, diferente de Free Fire que eu só faço ser arrasada. Não está fácil.

Fazendo jus às menções de jogos similares a este eu posso citar com convicção que ele é bem parecido com Free Fire. Ele é um jogo de sobrevivência e tiro em primeira pessoa similar em partes à modalidade Battle Royale de Call of Duty que eu já falei aqui no blog. Com cenários diferentes e um mapa enorme pra ser explorado você vai iniciar a partida com vários jogadores, vai escolher o ponto que você vai saltar de paraquedas do avião e vai explorar os locais procurando as melhores armaduras e equipamentos. Nessa jornada você também vai encontrar outros jogadores e vai ter que matá-los até se tornar o último jogador e vencer a partida.



Eu fiz questão de gravar a minha primeira vez jogando uma partida. Esses tipos de jogos de tiros são muito legais. Eu fico tensa e, mesmo que seja pelo celular, eu me sinto dentro desse universo de verdade. Tanto é que eu coloco o volume do jogo no máximo pra ouvir os passos de outros jogadores, por exemplo, e fico extremamente focada em tudo ao redor por que é isso que pode acontecer. Você pode ser atacado de qualquer forma, em qualquer direção, com qualquer arma. Tem que ficar super ligado pra não morrer ou se ferir. Confere aí minha gameplay:



É legal também mostrar que esse jogo não é apenas no Brasil. Quando eu pego uma partida com esquadrão geralmente aparece uns jogadores que gostam de manter o áudio ligado, o que é bem interessante por que a gente fica ouvindo outro idioma. Quando é inglês ou espanhol até que dá pra desenrolar, mas já tive situações de pegar jogadores indianos. Foi muito engraçado por que a equipe inimiga atacou ele e o menino, que deu pra perceber que era uma criança, estava desesperado pedindo minha ajuda no idioma dele. Eu não entendo nada, óbvio, mas como eu fico ligada nas barras eu percebi logo quando machucaram ele e já fui em sua direção. O que acontece é que nem todos jogadores ligam pra equipe. Geralmente os jogadores só cuidam da sua equipe se forem amigos pessoais ou coisa do tipo, alguém próximo. Aí esse indiano desesperado achou que eu não ia ajudar ele. Ligou o áudio e começou a ficar falando num tom agoniado um monte de coisa. É claro que eu fui salvar o menino e que a gente ganhou a partida por que eu sou fera demais, na humildade. Haha

Esse jogo é muito massa, ele ocupa pouco espaço e é gratuito. Fica aí essa dica massa pra vocês se distrairem um pouquinho e quando quiserem jogar comigo já sabem meu nome de usuário (thaynissima). Tá na própria gameplay. Beijo grande e até a próxima!


FICHA TÉCNICA
Nome: Call of Duty®: Mobile (2019)
Desenvolvedor: Tencent Games
Gênero: Tiro | Sobrevivência | Ação | Battle Royale
Preço: Gratuito na Play Store e Apple Store
Armazenamento: 50 MB
Avaliação: ★★★★★ - ♡ (5/5)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A nova tendência do cabelo descolorido e suas variações

Eu tô chocada que eu tô criando muita publicação no blog sobre Moda & Beleza que não é da minha essência. Quer dizer, eu acho lindo e adoro acompanhar, mas quase nunca crio coragem pra meter a cara e tentar fazer alguma dessas coisas que eu idolatro. Será que eu vou mudar isso futuramente? É uma mudança bem radical a gente descolorir o cabelo e, por exemplo, mudar algo que era preto para loiro. Já observei muito essas mudanças radicais entre pessoas influentes como artistas e queria compartilhar com vocês esse estilo que eu tô admirando bastante ultimamente.

A artes digitais absurdamente belas de Tati MoonS

Minha gente, eu descobri esse perfil do instagram por meio do twitter e eu fiquei sem fôlego com o tamanho do talento desta garota chamada Tatiana (auto-retrato na foto acima) com nome artístico de Tati MoonS . Ela é uma artista digital espanhola e dona dessas artes que estou prestes a apresentar a vocês.

Loja de produtos de maquiagens com preços acessíveis em Ponte dos Carvalhos-Cabo de Santo Agostinho/PE

E aí, pessoal. Tudo bem? Aproveitando que me parece que as coisas estão por melhorar aqui no Brasil, hoje eu venho compartilhar uma dica bem massa para todos na categoria de Beleza pra vocês arrasarem nos rolês belíssimos para quando a pandemia acabar (sim, está acabando). Minha amiga recentemente inaugurou o ponto físico da sua loja virtual Toda Patricinha Make Up que vende itens de beleza para olhos, rosto e boca com acessórios e produtos. Tem muita marca conhecida e alguns que usamos diariamente com o preço super acessível. É aquele mimo de patricinha que não vai pesar tanto no seu bolso, sabe?

As makes coloridas de Euphoria para se inspirar

E aí, meus queridos. Eu fiz justamente a publicação anterior falando sobre a série Euphoria para comentar algo que provavelmente vai marcar esta geração. Como eu falei na publicação sobre a série , além da estória em si a mesma também se destacou na parte visual tanto com a filmografia quanto os looks dos personagens, os cenários e as maquiagens. E como eu fiquei apaixonada, doida pra tentar refazer essas maquiagens e falhar, eu decidi apresentar esse trabalho incrível das principais maquiadoras e responsáveis por essas obras de arte. No caso são Doniella Davy e Kirsten Coleman , que eu já deixei o instagram pra vocês seguirem e acompanharem o trabalho delas.

Vesgo: Músicas mixadas com aquele toque especial do brasileiro

E aí, meus queridos. Ultimamente estive animada para indicar coisas aqui no blog e aproveitando que conheci recentemente essa obra de arte presente no YouTube hoje a indicação é do canal de músicas chamado VESGO que tem uma leve semelhança do VEVO. Será que foi coincidência ou proposital? O idealizador do canal se chama Erickon Fox (foto abaixo). O canal existe desde 2015 e já conta com mais de 1 milhão de inscritos e mais de 233 milhões de visualizações em todos os vídeos. Sucesso que chama, né? Eu conheci esse canal após um vídeo de uma garota dançando a música Blinding Lights de The Weeknd na versão Os Barões da Pisadinha bombar na internet. Tais ligado na dança, né? Eu só fiquei como ela quando descobri esse canal show. Eu já amo músicas mixadas por vida, também amo música internacional e nosso som nacional aí pegando essa mistura de tudo o que eu gosto só deu em paixão à primeira visualização.