Pular para o conteúdo principal

Saudade do que planejávamos ser

Por muito tempo eu passei dias sentindo saudade. De início pensei que fosse de você, mas pensei mais e entendi que você não era o alvo dos meus sentimentos. Eu sentia saudade do que planejávamos ser. Da nossa conexão. Dos nossos pensamentos em sintonia. Do que tivemos. De me entregar e me apaixonar perdidamente.

Não era você. Era o que eu queria pra mim.

Parceria. Planos. Felicidade. Compromisso.

Não continuamos você sabe por quê. Tentamos encaixar nossos sonhos - cegos pela paixão. Anulamos alguns desejos e deixamos de lado uma partezinha do nosso ser para agradar um ao outro.

É claro que não ia dar certo, mas mesmo assim tentamos.

Aprendemos com nossos erros. Aceitamos nossos defeitos… Quer dizer, eu aceitei meus defeitos. Dizem que esse é o primeiro passo para poder evoluir. Aceite-os para poder corrigi-los.

Você não fez isso, lembra? Você nem sequer sabe no que errou. E o erro já começa desse ponto. Ou melhor, terminamos por isso mesmo e estou muito bem assim.

A saudade que eu tenho é das coisas que vivemos mesmo. Podia ser qualquer um. O que me mata é ter a certeza que talvez eu não viva a mesma coisa. Não depois de tudo o que aprendi no nosso relacionamento.

Eu fui paciente. Eu tentei e insisti. Eu quebrei a cara diversas vezes. Te defendi quando te criticavam e cá estou eu, toda quebrada.

Não sou a mesma pessoa de antes.

Não tenho mais tempo nem disposição para procurar esses mesmos sentimentos em outro alguém.

Na verdade, na menor das dúvidas, eu caio fora. E as vezes caio fora também quando percebo boas intenções. Quando vejo que estou prestes a me apaixonar. 

Eu engulo todos os meus sentimentos e saio correndo pra bem longe.

Aprendi da pior forma que quando colocamos o nosso coração na mão de outra pessoa pode acontecer coisas espetaculares que me fazem flutuar, mas também pode acontecer um furacão de emoções que chega e acaba com tudo de bom que tinha ali.

Quem, em sã consciência, daria esse poder pra alguém? Me pergunto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A nova tendência do cabelo descolorido e suas variações

Eu tô chocada que eu tô criando muita publicação no blog sobre Moda & Beleza que não é da minha essência. Quer dizer, eu acho lindo e adoro acompanhar, mas quase nunca crio coragem pra meter a cara e tentar fazer alguma dessas coisas que eu idolatro. Será que eu vou mudar isso futuramente? É uma mudança bem radical a gente descolorir o cabelo e, por exemplo, mudar algo que era preto para loiro. Já observei muito essas mudanças radicais entre pessoas influentes como artistas e queria compartilhar com vocês esse estilo que eu tô admirando bastante ultimamente.

A artes digitais absurdamente belas de Tati MoonS

Minha gente, eu descobri esse perfil do instagram por meio do twitter e eu fiquei sem fôlego com o tamanho do talento desta garota chamada Tatiana (auto-retrato na foto acima) com nome artístico de Tati MoonS . Ela é uma artista digital espanhola e dona dessas artes que estou prestes a apresentar a vocês.

As makes coloridas de Euphoria para se inspirar

E aí, meus queridos. Eu fiz justamente a publicação anterior falando sobre a série Euphoria para comentar algo que provavelmente vai marcar esta geração. Como eu falei na publicação sobre a série , além da estória em si a mesma também se destacou na parte visual tanto com a filmografia quanto os looks dos personagens, os cenários e as maquiagens. E como eu fiquei apaixonada, doida pra tentar refazer essas maquiagens e falhar, eu decidi apresentar esse trabalho incrível das principais maquiadoras e responsáveis por essas obras de arte. No caso são Doniella Davy e Kirsten Coleman , que eu já deixei o instagram pra vocês seguirem e acompanharem o trabalho delas.

Resenha: A Barraca do Beijo de Beth Reekles

Desde que a Netflix lançou o segundo filme da Barraca do Beijo apareceram tweets na minha linha do tempo do perfil do blog com comentários negativos que me deixaram curiosa para entender o que estava acontecendo. Essas críticas envolviam os personagens principais do filme e suas atitudes tóxicas e machistas, coisas essas que eu não tinha percebido quando assisti os filmes. Mais uma coisa que eu não sabia e que eu só fiquei sabendo nesse exato momento que estou escrevendo pra vocês é que o livro A Barraca do Beijo foi feito por uma cientista. Beth Reekles, a autora do livro, é uma garota de exatas, formada em Física pela Exeter University. Mas nas horas vagas ela gosta de ler e escrever no Wattpad. O livro fez tanto sucesso nessa plataforma com mais de 19 milhões de acessos e 40 mil comentários, além de vencer o Prêmio Watty de Ficção Adolescente mais popular que eu entendi tudo. A senhora Netflix não ia deixar essa oportunidade passar batido, não é mesmo?

Como mandar uma sugestão de melhoria pro Instagram

E aí, amados. Eu estava buscando na internet essa dúvida que vocês também estão tendo. Como não encontrei em lugar nenhum da internet, eu decidi criar esse tutorial pra quem quer mandar uma mensagem de feedback pro Instagram pelo aplicativo. Vem que eu te ensino. 1. No Aplicativo, acesse o seu perfil. 2. Clique no Menu ☰ . 3. Vá em Configurações ⚙️. 4. Clique em Ajuda ❔. 5. Clique em Relatar um problema . 6. Clique em Enviar feedback . 7. Escreva a mensagem no campo e, se necessário, anexe imagens no campo Adicionar ➕. 8. Aperte em Enviar . Fiz também um tutorial rápido pelo Instagram do blog, pra quem prefere visualizar por vídeo: A minha sugestão foi para criar a função de Amigos Próximos pras publicações do feed também. Imagina ter umas publicações suas visíveis só pros seus melhores amigos? Seria tudo pra mim. Eu publicaria mais no meu insta se tivesse essa opção. Qual a de vocês?